domingo, 6 de novembro de 2011

São lembranças - Parte 2



"Não fale bem de mim, irá estragar minha reputação"
John Constantine

Tudo sempre valia a pena, qualquer minuto juntos era algo grandioso. Se ajudavam e podiam conversar sobre qualquer coisa, era algo realmente estranho.Eram praticamente irmãos que se escolheram.
Era comum se chamarem de brother, brow, bro ou até mesmo irmão. Pois era assim que eles realmente se sentiam.
Tudo parecia verdadeiramente certo. E realmente estava.
Todos tinham problemas, algumas vezes mais do que o normal, mas isso não importava. Se ajudavam e as coisas ficavam mais "leves". Tudo funcionava bem.
Até mesmo grandes amizades sofrem abalos,mas nunca nada parecia ser tão destruidor assim, mas dessa vez era tudo tão diferente, eles sentiam que por mais que tentassem nunca mais conseguiriam colocar as coisas em ordem. Era estranho saber que dessa vez estava realmente tudo acabado, Silvana não parecia ser esse tipo de garota,mas era. Namorava Guilherme algumas vezes, outras vezes namorava Renato. Francisco sabia de tudo e não se sentia no direito de interferir em nada. Era estranho o jeito como Silvana conseguia fazer o que quisesse com todos, Seu "poder" era tão grande que pessoas como Diana e Leandro acabaram sendo diretamente afetados e eles nada tinham de ligação com a história inicial. Silvana foi um verdadeiro furacão que conseguiu estragar tudo por onde passou. Hoje Leandro e Diana não estão mais juntos, os antigos melhores amigos nem se conhecem mais, pelo menos fingem isso.
Era estranho como uma única peça poderia estragar mais de um jogo.
Mas, assim era Silvana, ela conseguia tudo que queria e sempre estava disposta a pagar o preço necessário.

Um comentário:

  1. Silvana? HSUAHSUAHUHSUAHUSHAHUSA

    mto bom o texto, Fê.

    ResponderExcluir